Colóquio Nacional do Leite em Vila do Conde

Fotografia: Fotos D.R.
Partilhar
Redação

Redação

A Associação dos Produtores de Leite de Portugal (APROLEP), em colaboração com a Associação dos Jovens Agricultores do Distrito do Porto (AJADP) vai organizar no  próximo dia 23 de Novembro o 1.º Colóquio Nacional do Leite, em Vila do Conde.

 

O primeiro tema, “Instalação de jovens na produção de leite”, terá uma mesa redonda moderada pela Jornalista Isabel Martins, da Revista “Vida Rural”, e parte da constatação que a produção de leite, tal como a agricultura portuguesa em geral, é um setor envelhecido. São poucos os jovens dispostos a apostar no setor e muitas as dificuldades que encontram, ao nível dos apoios, dos licenciamentos e da disponibilidade das empresas compradoras para aumentar os contratos para níveis que viabilizem os projetos de investimento. Como agir para renovar a produção de leite? Como apoiar a instalação de jovens no setor de modo eficaz?

O segundo tema, “A experiência do leite justo na Europa”, será moderado pelo jornalista Abel Coentrão, do Jornal Público, e terá como orador Erwin Shopges, Presidente da Associação Europeia de Produtores de Leite (BEM) e da cooperativa belga Fairebel. Em Portugal enfrentamos um mercado com 10 anos de preço baixo à produção, abaixo do custo de produção e da média europeia.
O caso do “leite preço justo” é um sinal de esperança, uma iniciativa com várias réplicas em expansão que vale a pena conhecer, porque permite aos consumidores com a sua escolha apoiarem um sistema de produção de leite “sustentável” para a economia dos produtores de leite e do meio rural. Fará sentido desenvolver esse caminho em Portugal? Teremos cooperativas e indústrias disponíveis?

O terceiro e último tema, “Cooperativismo e a Redução de custos de produção”, será uma mesa redonda moderada pela jornalista Paula Ferreira do Jornal de Notícias e contará com a presença de líderes cooperativos nacionais e da Galiza. Temos consciência que não basta lutar por um preço justo, é preciso ser eficiente na aquisição dos fatores de produção. Como podem as cooperativas renovar-se, reorganizar-se e tornarem-se também elas competitivas para atuarem no mercado e fornecerem os fatores de produção a preços cada vez mais competitivos?

A sessão de encerramento será presidida pelo Diretor Regional de Agricultura e Pescas do Norte, Dr. Manuel Cardoso. Porque confiamos na qualidade dos produtos lácteos que resultam da transformação do bom leite português, teremos um pequeno-almoço lácteo para iniciar o dia e terminaremos com um lanche também com produtos lácteos. Desde já agrademos o apoio da Cooperativa Agrícola de Vila do Conde, da Caixa de Crédito Agrícola de P. Varzim, Vila do Conde e Esposende e das empresas que patrocinam o colóquio: Harker Sumner, Syngenta, Affimilk, Nutrinova, Vaca de Socas, Dupont Pioneer, Socidias, Torre Marco e Consulai.

Partilhar
Voltar