Gemignani e Kiryazov vencem Antonio Mezzero Trophy

Fotografia: Fotos D.R.
Partilhar
Redação

Redação

Vinho do Douro da Quinta da Pacheca e vinho do Porto da Croft utilizados nas harmonizações vencedoras

 

O norte-americano Tony Gemignani e o búlgaro Radostin Kiryazov foram os grandes vencedores da primeira edição do All Stars Pizza Antonio Mezzero Trophy. O pizzaiolo dos EUA foi o vencedor na categoria de Vinhos do Porto ao harmonizar a sua pizza com um Croft Old Tawny. Já o pizzaiolo dos balcãs distinguiu-se na categoria de Vinhos do Douro, ao harmonizar a sua pizza com o vinho Quinta da Pacheca Grande Reserva Tinto Touriga Nacional 2015.

Num dia inesquecível e pleno de emoções fortes, o Palácio da Bolsa acolheu a brilhante final do All Stars Pizza Antonio Mezzero Trophy com o português Fernando Almeida, a competir com os vinhos da Casa Ferreirinha, o búlgaro Radostin Kiryazov, com a Quinta da Pacheca e o italiano Vincenzo Capuano, com a Quinta do Crasto, a disputarem o título na categoria de ‘Vinhos do Douro’.

Já na categoria de ‘Vinhos do Porto’ o espanhol Luis Garcés Maldonado, que competiu com o porto da Graham’s, o argentino Pablo Gil, com o Porto Ferreira e o americano Toni Gemignani, com a Croft, harmonizaram pelo lugar mais alto no pódio. A elevada qualidade das pizzas apresentadas a concurso surpreenderam o júri, confirmando assim o acerto desta aposta na criação de um troféu para juntar os melhores dos melhores!

Para Antonio Mezzero, mentor deste inédito troféu, “os objetivos foram largamente superados”. “Juntamos a pizza e os vinhos do Douro e do Porto e obtivemos resultados impressionantes e que mereceram rasgados elogios do júri do troféu”, frisa o actual Campeão do Mundo de Pizza Napolitana STG. No entender de Mezzero, “os pizzaiolos interpretaram da melhor forma o espírito deste desafio e estiveram à altura da exigência de um troféu muito desafiante, respeitando a natureza única de cada um dos protagonistas principais: a pizza e o vinho”.
 
Para o presidente da Associazione Pizzaiuoli Napoletani (APN) e também do júri deste troféu, Sérgio Miccú, “este foi um dia mágico. O Tony Gemignani e o Radostin Kiryazov acabaram por elevar mais alto a harmonização entre dois produtos de excelência como são a pizza e vinhos do Douro e do Porto”. “Os dez pizzaiolos, e estes dois em particular, conduziram-nos numa viagem inesquecível”, concluiu.

Depois de fazer da cidade do Porto a capital mundial da pizza por um dia, a organização ambiciona levar este campeonato até Milão (Itália) e Madrid (Espanha). Com os vinhos do Porto e Douro, naturalmente.

Refira-se, ainda, que o All Stars Pizza Antonio Mezzero Trophy contou com a participação de algumas das maiores marcas de referência da Região Demarcada do Douro, como a Graham’s, a Croft, a Quinta da Pacheca, a Quinta do Crasto e a Sogrape (Casa Ferreirinha e Porto Ferreira).


Os pizzaiolos vencedores

Radostin Kiryazov (Bulgária): É um dos mais famosos pizzaiolos da Bulgária. Foi jurado no programa Master Chef búlgaro e lançou o livro “Panne, Pizza e Passione”, que trará a Portugal. É dono da Osteria da Rado, um restaurante certificado pela Câmara de Comércio de Itália, e já conquistou classificações de relevo em campeonatos Mundiais e Europeus de pizza.

Tony Gemignani (EUA): Nascido em 1972, já venceu por 12 vezes o campeonato World Pizza. Já publicou obras de culinária e participou em programas de televisão. Recebeu por duas vezes a medalha de ouro do Food Network e é proprietário e chefe-executivo de vários restaurantes. O Tony’s Pizza Napoletana, em São Francisco, é talvez o mais conhecido.

Partilhar
Voltar