Taylor’s anuncia Porto Vintage clássico

Fotografia: Fotos D.R.
Partilhar

Cada uma das três casas de vinho do Porto pertencentes à 'The Fladgate Partnership' - Croft, Fonseca e Taylor’s – anunciam a sua decisão de declarar o Vintage 2016.

 
O director-geral da The Fladgate Partnership, Adrian Bridge, descreve o ano Vintage 2016: “As notas dominantes do 2016 são pureza e refinamento. Os Porto Vintage das três casas são estilisticamente distintos mas todos exibem elegância e equilíbrio, uma maravilhosa pureza de fruta e taninos de grande qualidade". "Os rendimentos da vindima estão abaixo da média. A quantidade do Vintage 2016 disponível será relativamente restrita e a distribuição pelos mercados terá que ser ajustada. Os 2016s têm grande probabilidade de vir a ser raridades no futuro, particularmente devido à tendência do consumo do vinho do Porto Vintage ainda jovem", acrescenta.


Como habitualmente, a declaração acontece no seguimento de várias semanas de trabalho das equipas de prova de cada casa, tendo começado com a selecção dos vinhos componentes e culminado na composição do lote final. De acordo com a tradição, as três casas fazem a declaração no dia 23 de Abril.

Os vinhos de 2016 mostraram-se prometedores desde o início; as notas dos enólogos tomadas durante a vindima referiam o excelente carácter frutado e os pronunciados taninos dos mostos. O Director de Enologia da The Fladgate Partnership, David Guimaraens refere: “Há dois factores que se destacam em 2016: a intensa precipitação durante a Primavera significou que as videiras tiveram reservas de água suficientes durante todo o Verão; e o facto da época de amadurecimento ter começado relativamente tarde prolongando-se bem dentro do mês de Setembro. Isto conduziu a uma muito gradual e uniforme maturação da colheita, com todos os elementos em perfeito equilíbrio no momento da vindima. A vindima começou mais tarde do que o usual em todas as nossas quintas, particularmente nas quintas do vale do Pinhão.” 

Comentando sobre os vinhos, David Guimaraens, faz notar que: “As condições durante a vindima no final de Setembro e início de Outubro foram perfeitas, com noites frescas que proporcionaram longas fermentações permitindo uma suave e completa extracção. Como resultado os vinhos apresentam uma estrutura sólida com taninos firmes e muito bem integrados, exibindo um excelente frutado.”
Os Vintages de 2016 da Croft, Fonseca e Taylor’s estarão disponíveis nos mercados no início do Outono.

 

Redação | Revista de Vinhos

Partilhar
Voltar