Nuno Guedes Vaz Pires

100% PORTUGUESA

Hoje a Revista de Vinhos ainda é mais nossa, pois acabamos de comprar a parte detida pelo Grupo Masemba.

Lisa Granik

Nos EUA, tudo de novo

O mercado dos EUA está mais pronto que nunca para explorar variedades de uva que – mesmo que conhecidas no país de origem – pareçam novas e inovadoras para os consumidores mais aventureiros.

J.A. Dias Lopes

A capital do bife

Os grandes apreciadores preferem a carne tostada por fora, com o interior rosado e suculento. O turista guloso que for a Lisboa e tiver a oportunidade de comer um desses bifes, nunca mais o esquecerá.

J.A. Dias Lopes

Uma Afro-Portuguesa, com certeza!

Afirma-se que a cozinha típica da Bahia, com a qual o Brasil atrai todos os anos milhares de turistas, foi levada pelos escravos africanos, esquecendo-se sua inquestionável ascendência lusitana.

Nuno Guedes Vaz Pires

Contem connosco!

Na história dos 28 anos de Revista de Vinhos, o ano de 2017 terá sido dos mais desafiantes.

Jancis Robinson

O tamanho importa?

Uma das principais crenças dos profissionais do vinho indica que quanto maior for a garrafa, mais lenta e melhor será a evolução do vinho. Por esse motivo, as garrafas de maior formato acabam por estar com vinhos “premium”.

Nuno Guedes Vaz Pires

Portugal "sensacional"

Aquilo que para muitos era impensável, aconteceu. De acordo com dados recentemente divulgados, Portugal superou a Argentina no primeiro trimestre deste ano, figurando no segundo lugar no ranking dos vinhos importados no Brasil.

Luís Costa

The next big thing

Loureiro pode ser a próxima grande casta portuguesa a ter um lugar no firmamento, afirmando-se como “the next big thing” nos vinhos brancos varietais.

Nuno Guedes Vaz Pires

O futuro começa aqui

A vida torna-se mais intensa quando assumimos desafios com objetivos definidos de forma clara e a longo prazo.

Jancis Robinson

Crescimento e redes sociais

Agora que se provou que não há “vacas sagradas” no mundo do vinho, e que o mundo do vinho é tão maior que a França, estamos preparados para receber uma gama muito mais ampla de vinhos finos na nossa consciência e nos nossos paladares.

Carlos Maribona

As tendências da cozinha

Cada dia gosto mais dos restaurantes de produto. Nestes tempos difíceis, em tantos sentidos, esse produto converte-se no caminho principal para a gastronomia. Por onde vão os caminhos da gastronomia?

Nuno Guedes Vaz Pires

Em novembro, no local habitual

O grande evento anual realizado em Lisboa, dedicado ao vinho e aos sabores, estará de regresso de 10 a 13 de novembro deste ano.