Revista de Vinhos estreia “À Luz do Vinho” na BTV

Fotografia: Fotos D.R.
Redação

Redação

A Revista de Vinhos estende a difusão de conteúdos sobre vinho, gastronomia e enoturismo a um novo canal, a Benfica TV (BTV). Dia 21 de outubro estreia “À Luz do Vinho”, programa semanal com a duração média de 10 minutos, que terá diversas inserções na grelha de programação regular da BTV.

 

“O vinho, as harmonizações gastronómicas e o enoturismo são cultura. Integram o ADN português e, tal como o futebol, são transversais a estratos sócio-económicos e demográficos. O expertise da equipa da Revista de Vinhos, conquistado ao longo dos anos em diferentes plataformas, garante conteúdos de qualidade reconhecida e de padrões de difusão broadcast. Valorizar os vinhos, os receituários, os restaurantes e os enoturismos é um desígnio que nos honra cumprir”, acentua Nuno Guedes Vaz Pires, diretor da Revista de Vinhos.

No primeiro episódio de “À Luz do Vinho” a viagem inicia-se em Estremoz com João Portugal Ramos que, a seguir, parte rumo ao Douro Superior para apresentar o projeto Duorum. Mesmo ao lado, a Casa do Rio da Quinta do Vallado tem um enoturismo que merece visita relaxada. A terminar três propostas com distinção “Altamente Recomendado” e “Boa Compra” pela Revista de Vinhos.

Tendo mais de 30 anos de presença no mercado editorial, a Revista de Vinhos é a publicação de língua portuguesa de referência no setor. Para lá das edições mensais, impressa e digital, a revista é das que possui maior número de seguidores por entre as insígnias internacionais especializadas nesta área e atualmente produz ainda os programas “A Essência”, semanalmente difundidos na RTP3, RTP Internacional e Renascença.

A Revista de Vinhos integra o grupo Essência do Vinho, líder na comunicação do vinho e da gastronomia em Portugal incluindo a produção de eventos como “Essência do Vinho – Porto”, “Encontro com Vinhos – Lisboa”, entre vários outros. Realiza e produz diversas ações de difusão de vinhos portugueses em mercados externos como o Brasil, EUA, Canadá, China, Suíça, Reino Unido ou Alemanha. No Brasil detém ainda a revista GULA, uma das marcas editoriais mais reconhecidas naquele país.