Comer

Fábrica do Azeite em plena Baixa do Porto

Não é só em Trás-os-Montes que o azeite é rei e senhor. Doravante, há no Porto um espaço que prolongará o estatuto da região. A Acushla, marca portuguesa de azeite biológico, chamou-lhe Fábrica do Azeite e abriu já portas, em plena Baixa portuense.

Comer

O primeiro azeite da Kranemann Wine Estates

São cerca de 3.500 oliveiras, que serpenteiam patamares e caminhos ao longo das encostas, no Vale do Távora. Depois da vinha, o olival assume-se como a mais importante cultura na Quinta do Convento de São Pedro das Águias.

Comer

10.º Concurso Nacional de Bolos Especiais de Natal

A “Sopa Dourada” confecionada pelo Café Corcel, Porto, obteve a distinção Melhor dos Melhores no 10.º Concurso Nacional de Bolos Especiais de Natal que decorreu a 11 de novembro e que o CNEMA realizou em conjunto com a Qualifica/oriGIn Portugal – que assumiu a respetiva Direção.

Comer

Queijo São Jorge DOP 30 meses de cura

A edição especial do Queijo São Jorge DOP 30 meses, lançada pela Uniqueijo e LactAçores, assinala a comemoração dos 30 anos de história da Confraria do Queijo São Jorge.

Comer

Provar Portugal na Restauração de Santarém

A iniciativa “Provar Portugal na Restauração de Santarém” dá a conhecer, no próximo encontro a 7 de setembro, os sabores de Trás-os-Montes, à mesa do escalabitano “Ó Balcão”. A degustação de iguarias gastronómicas terá como protagonista um menu repleto de sabores da região de Trás-os-Montes, desde a clássica sopa transmontana ao pudim de castanhas.

Comer

Caldeirada, um poema do mar

É um petisco nacional, uma ode ao mar e ao sabor. A caldeirada consubstancia o melhor de dois mundos: peixe e concentração sápida, pela forma simples como é cozinhada. Símbolo do “saber fazer” dos pescadores, da alma nacional e da culinária tradicional, os seus principais artefactos são um tacho, lenta cocção e, claro, a matéria-prima em que somos exímios: diversidade de pescado fresco atlântico. O segredo está no caldo que se molha no pão e no modus faciendi.

Comer

Tomate Coração de Boi nos restaurantes do Douro

A V edição do Concurso Tomate Coração de Boi do Douro foi adiada para 2022, mas a pandemia da Covid 19 não parou os horticultores da região. Em agosto, este fruto volta a estar à mesa dos restaurantes.

Comer

Ílhavo serve 'Bacalhau ao Cais' em agosto

Entre os dias 5 e 14 de agosto, Ílhavo Gastronómico apresenta “Bacalhau ao Cais”, uma iniciativa que propõe nove sugestões gastronómicas diferentes que podem ser desfrutadas ao jantar, com o “Rei Bacalhau” sobre a mesa e o pôr-do-sol da Costa Nova como anfitrião.  

Comer

Harmonização: Tacho e vinho

Pratos de cozedura lenta são a “comfort food” por excelência. Demoram horas ou mesmo dias a ficarem prontos, apurarem o sabor e a textura. São também o que há de mais “wine friendly”, encaixando nos sabores e nas sensações táteis de adstringência ou alcoolicidade de um bom vinho tinto.

Comer

Uma ode à chanfana 

É um prato intenso, com um molho suculento, onde a carne de cabra (mas também chibo ou ovelha) se desfaz na boca após uma lenta cocção numa caçoila de barro negro, em forno de lenha vedado. Falamos da chanfana, criação beirã que nos deixa de quatro, quando feita com todos os matadores. Uma tentação imperdível que exige uma incursão à Beira Litoral num triângulo desenhado por Mortágua, Miranda do Corvo e Vila Nova de Poiares, e ainda Lousã, Penela e Góis. Tudo na na majestade dos maciços serranos.