Jamie Goode

O que é acrescentado ao vinho, e porquê?

Vinhos limpos? É um termo inútil. No geral, o vinho é uma das bebidas alcoólicas mais naturais que consumimos: mesmo os mais comerciais.

Debra Meiburg, MW

As histórias do vinho 

Nada é mais poderoso para um consumidor em Hong Kong do que chegar a um jantar, ‘armado’ com uma boa história sobre um vinho-troféu, e fazer um figurão.

Nuno Guedes Vaz Pires

Tic-Tac, Tic-Tac. Chegou a hora do Tiktok?

Independentemente da missão e do setor de atividade, qualquer empresa, entidade ou instituição quer aumentar quota de mercado e afirmar uma posição tão global quanto possível.

Carlos Maribona

Em defesa da gastronomia rural

Levantar a voz em defesa dos ambientes rurais como geradores de vida e riqueza através da gastronomia. Esta foi a proposta dos quarenta chefes (que reúnem cerca de trinta estrelas Michelin) que se juntaram no início de dezembro no “Terrae”, o primeiro Encontro Internacional de Cozinha Rural.

Sarah Ahmed

A Wine Detective investiga os formatos das garrafas

Tenho reparado que as pessoas estão a ganhar prática em encontrar o lado positivo das coisas durante o confinamento do coronavírus. Uma habilidade que, ironicamente, podemos aprimorar num qualquer retiro de ‘wellness’ em tempos normais.

José João Santos

A tentação a que importa resistir

Seria um erro de palmatória tentar contornar a quebra de vendas que a pandemia tem provocado através da baixa de preços. Em poucos meses estariam a ser deitados ao lixo muitos anos de busca incessante por criação de valor, muito rapidamente caminharíamos para o território do descrédito ou da terra do nada.

Debra Meiburg, MW

Coreia do Sul, mercado a atentar no pós-Coronavírus

A Coreia do Sul esteve no olho do furacão na emergência da pandemia. Mas isso vai passar. E o país certamente recuperará o seu lugar como um dos mercados de vinho emergentes mais interessantes da Ásia para os muitos países e regiões produtoras do mundo que disputam cada gota do oceano de potencial deste continente.

Jamie Goode

Vinhos de talha

Nos últimos anos verificou-se um interesse crescente nos vinhos feitos em barro. E Portugal é um dos dois países onde existe uma herança substancial de produção de vinho na talha, juntamente com a Geórgia e os vinhos qvevri.

Nuno Guedes Vaz Pires

Um novo Portugal

Num tempo em que o distanciamento social continua a ser um ato obrigatório e a evolução da saúde pública um estado dependente da ação de todos e cada um de nós, inicia-se também um novo tempo: o da reabertura. Coincidente com a chegada do verão e da época do amadurecimento cresce a esperança e o otimismo, mas aumenta proporcionalmente o dever de sermos solidários e de, mais do que nunca, tirando partido das nossas capacidades, apoiarmos Portugal na recuperação da economia.

Nuno Guedes Vaz Pires

Cheap and Chic e a nova cultura do luxo

O “cheap and chic” (barato e chique) é a nova modalidade associada ao consumo inteligente que se está a manifestar nas principais cidades do mundo e que influi – e muito – nas experiências gourmet.

Jancis Robinson, MW

Porto, fénix renascida

Há muitos, muitos anos atrás, no início da década de 1990, fui convidada para proferir o discurso após o jantar na mundialmente famosa Feitoria Inglesa, no Porto. Era então bastante mais jovem e felizmente inconsciente de quão inapropriado o meu discurso fora.

Sarah Ahmed

A ‘WINE DETECTIVE’ INVESTIGA A MINERALIDADE

Sendo inertes, as rochas não podem “biodisponibilizar” às vinhas os nutrientes minerais, explica Maltman.  De qualquer forma, as rochas são inodoras e insípidas. No entanto, este cientista admite que a camada superior do solo - húmus - torna os nutrientes minerais biodisponíveis para as raízes (próximas) da videira.