Opinião

Um novo Portugal

Num tempo em que o distanciamento social continua a ser um ato obrigatório e a evolução da saúde pública um estado dependente da ação de todos e cada um de nós, inicia-se também um novo tempo: o da reabertura. Coincidente com a chegada do verão e da época do amadurecimento cresce a esperança e o otimismo, mas aumenta proporcionalmente o dever de sermos solidários e de, mais do que nunca, tirando partido das nossas capacidades, apoiarmos Portugal na recuperação da economia.

Opinião

A tentação a que importa resistir

Seria um erro de palmatória tentar contornar a quebra de vendas que a pandemia tem provocado através da baixa de preços. Em poucos meses estariam a ser deitados ao lixo muitos anos de busca incessante por criação de valor, muito rapidamente caminharíamos para o território do descrédito ou da terra do nada.

Opinião

Os grandes brancos de 2019

Pela geografia, variações climáticas de terroirs e potencial genético de castas autóctones, Portugal reúne um assinalável conjunto de variáveis que lhe permitirá afirmar-se igualmente enquanto produtor de vinhos brancos de grande qualidade, podendo os 2019 demonstrá-lo inequivocamente.

Opinião

Os enólogos viticólogos

A enologia de hoje encarrega-se de mostrar, dia após dia, que para se obter vinhos de “terroir”, que tenham personalidade individual, é primeiramente fundamental perceber o solo, a videira, as castas.

Opinião

Bairrada e Baga

Após uma série de entrevistas realizadas com diversos produtores, a Baga, casta bandeira da Bairrada, tem estado nas minhas cogitações. Contra todos os caprichos da moda, Dirk Niepoort (Quinta de Baixo) afirmou que “o patinho feio de quem ninguém gostava tornou-se o vinho mais apreciado pelos conhecedores portugueses”.

Opinião

A universalidade do Pão de Ló

Relíquia da doçaria portuguesa, tal como papo de anjo, o pastel de nata, a sopa dourada, o toucinho do céu, a trouxa de ovos e outras maravilhas, o pão de ló é a sua invenção mais universal. Não há país da comunidade lusíada que não o faça, nem terra onde os colonizadores portugueses estiveram que o desconheça.

Opinião

O fim da barrica de carvalho?

O gosto do carvalho não identifica nem o território, nem o trabalho na vinha do enólogo. O carvalho tem o mesmo sabor num vinho espanhol, australiano ou indiano. Então, para que vinhos é decisivo usar o recipiente de carvalho?